quinta-feira, 19 de maio de 2016

Coisas de Almada e da Gente Que Viveu e Vive Almada

Costa da Caparica, ano 2007, local onde os pescadores guardavam, armazenavam e consertavam os apetrechos de pesca antes da intervenção Polis.

sábado, 14 de maio de 2016

Coisas de Almada e de Gente Que Viveu e Vive Almada

Luís Filipe Bayó e Modesto Viegas apresentam mais um Documentário Multimédia sobre Lisboa no próximo dia 19 de Maio na FNAC - Chiado.
Luís Filipe Bayó vive em Almada e Modesto Viegas residiu e estudou o secundário em Almada.
 
"Não há futuro sem memória!
 
Caminhando pelas ruas das zonas mais tradicionais de Lisboa, olhemos os prédios e as lojas de comércio antigas que ainda sobrevivem, com o respeito que merecem!
Transmitem-nos carácter e uma identidade própria de uma época, através das suas fachadas de azulejos, da singularidade das suas varandas e marquises, da harmonia das suas janelas e portas, das lápides evocativas, das caixas de correio, dos registos religiosos, das placas foreiras, dos números de polícia, das bandeiras de porta, dos “entalados”, dos batentes e campainhas, dos respiradouros, das placas publicitárias, dos relógios de rua, etc…
Sobre este conjunto de pormenores, ameaçados a desaparecerem pela lei inexorável dos tempos modernos, registaram-se milhares de imagens para memória futura.
Mesmo que já conheça alguns, terá agora a oportunidade de conhecer muitos mais."
 
Aqui fica o convite.

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Coisas de Almada e da Gente Que Viveu e Vive Almada

Fotografia de Setembro 1979, quando este local, a Fonte da Pipa e envolvente, estava a ser intervencionado com obras de reabilitação e conservação.
Esta fonte secular do concelho de Almada, próxima ao Olho de Boi, teve uma grande intervenção no séc. XVIII (reinado de D. João V), que lhe deu o aspecto actual com as quatro bicas e o brasão.

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Coisas de Almada e de Gente Que Vive Almada

Na próxima 4ª Feira, 11 de Maio às 16 horas na ARPIFC em Cacilhas, José António Santos faz mais uma apresentação da sua Magia do Vinil - "Uma viagem pela música dos anos 60".
Uma oportunidade a não perder por quem viveu (e não só) esses gloriosos anos, para lembrar factos, cantores, cantoras e ouvir  música que marcou uma época da geração nascida na e após a 2ª Guerra Mundial - a geração  "Baby Boomer"
A entrada é livre.

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Coisas de Almada e de Gente Que Viveu e Vive Almada

Festa de lançamento do Renault 19, na garagem/oficina do então concessionário para o concelho de Almada - Beira Rio Comércio e Industria de Automóveis, Lda - na Cova da Piedade em 1988.
Na fotografia à esquerda está o Sr. Rodrigo Zagallo e Melo, sócio-gerente do concessionário.

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Coisas de Almada e de Gente Que Viveu e Vive Almada

A Rua de Lopes de Mendonça no Pragal, em Julho de 2007, antes de ser mutilada pelo comboio municipal - o apelidado MST - que veio destruir a cidade de Almada e consome anualmente milhões de euros aos contribuintes em indemnização compensatória à concessionária, por falta de passageiros.

domingo, 1 de maio de 2016

Coisas de Almada e de Gente Que Viveu e Vive Almada

Imagem em Almada, na rua Dr. Oliveira Salazar actual rua da Liberdade, da manifestação popular do 1º de Maio de 1974.
A fotografia foi captada a meio do percurso da rua, que fica actualmente após a rotunda do Pombal, no sentido Cova da Piedade-Almada (ascendente). Na época era esse o sentido do tráfego rodoviário.
À esquerda bem como à direita vêem-se edificações que já não existem.